Arquivo da categoria ‘chá de bebê’

Chá de Bebê:

fevereiro 11, 2008

cha1.jpgcha2.jpgcha3.jpgOrganizadoras…cha5.jpgcha6.jpgcha8.jpgcha7.jpg 

O chá de bebê foi o máximo. Começamos com uma idéia simples, pois eu já estaria com 34 semanas no dia do chá, mas logo ele se “sofisticou” ou seja, teve uma decoração linda, teve uma lista com mais de 50 convidada, comes e bebes deliciosos e lembrancinhas chiquérrimas encomendadas pelas organizadoras (macarrons, um rosa e um branco em cada pacotinho, com a letra S de Sofia), além de muuuuuuuuuuuuita animação. A decoração ficou muito fofa, com bailarinas e cata-ventos em rosa e lilás, tudo “assinado” por uma amiga minha, uma das organizadoras que tem o maior talento manual e pelo maridão que fez os cata-ventos.  Foram 38 pessoas, todas mulheres, e maridão, que iria somente ajudar a montar o local, acabou pedindo um avental e ficando de “garçom” para servir as pessoas, por puro gosto. Foi muito bacana da parte dele. Imaginem só, ficar lá, servindo a mulherada só pra ver a esposa feliz. Um fofo! E ele entrou na dança mesmo: encheu bexigas, pôs as bebidas no gelo, cortou bolo, enfim, trabalhou que só! Todo mundo chegou cedo, perto do horário marcado, no salão de festas do prédio das minhas amigas, e logo começamos as brincadeiras:  

1) Primeira cada convidada foi solicitada para que levasse uma foto dela quando bebê: eu tinha que adivinhar a foto e ganhava o presente. Se não ganhasse, ele ia para um canto.

2) Todas as convidadas das quais eu ainda não tinha ganhado o presente ou que não tinham levado fotos escreviam uma dica de como cuidar do bebê, e as organizadoras liam para mim. Eu tinha de adivinhar de quem era a dica e ganhava o presente. Se não acertasse, ainda não ganhava.

3) Por fim, tive que responder oito perguntas sobre como cuidar do bebê feitas pelas minhas amigas: tipo o que fazer em caso de cólica, quanto tempo deixar o bebê para arrotar, com quanto tempo se dá tal vacina e etc. Se acertasse seis, ganhava todos os presentes que ainda não tinha ganhado! Eu acertei, hahahah, mas foi por um triz, pois errei duas.  Nem preciso dizer que ganhei uma quantidade imensa de presentes, que quase não couberam no carro e espero que a Sofia realmente use tudo. Roupinhas, tenho uma quantidade imensa, mas muitas são bem pequenas, então acho que a Sofia só vai usar bem no comecinho mesmo, porque via nascer grandona. 

Recomendo a todas as grávidas, a organizar um chá de bebê, no sétimo mês (não deixe pra o finalzinho como fiz, pois a gente fica cansada e pode inchar de ficar em pé). Eu confesso que fiquei acabada, mas feliz demais. Nunca vou esquecer do carinho das pessoas queridas que foram ao chá para celebrar comigo a chegada da Sofia.

Preparativos para o chá de bebê

janeiro 7, 2008

imgp7190.jpgimgp7177.jpgimgp7175.jpgimgp7188.jpgimgp7183.jpgimgp7182.jpgimgp7171.jpgimgp7170.jpgimgp7167.jpgimgp7165.jpgimgp7164.jpg

Bom, mesmo cansada no 8ºmês, resolvi fazer o chá de bebê. Acho que realmente as pessoas esperam que você faça. Tanta gente me perguntou e disse que queria muito ir ao chá, que resolvi fazê-lo, claro, com a ajuda das minhas amiguitas queridas que estão organizando o evento.

As pessoas que curtiram e curtem a gravidez esperam que você faça o chá, engrçado isso, né? Porque eu mesma, fui em apenas um chá de bebê na vida, de uma das minhas grandes amigas e organizadoras. Eu achava que era um evento chato, mas mudei de idéia. É familiar e pode ser bem divertido, tanto para a gravidinha, que ganha presentes muito úteis e consegue rever todas as amigas de uma vez só antes da bebê nascer; quanto para as convidadas que queriam estar mais presentes na gravidez da amiga e não conseguiram. Mesmo que dure pouco.

Vai ser bem simples, tipo com bolo e doces da com cara de feitos pela vovó (nada de doces chiquérrimos, pois em fim de gravidez o orçamento não permite), mini-quiches e sanduíches redondos (uma versão mais modernete dos famosos sanduíches de metro). A decoração será em motivos infantis e é isso. Infelizmente, não tive muito tempo nem disposição para fazer uma festa mais elaborada, mas acho que vai ser muito divertida e aconchegante.

Agora, tenho uma dúvida muito cruel: o que essa mulherada bebe? Difícil pra quem sempre serviu espumante em festas (eu mesmo acho chique e adoro). Prosecco mesmo? Cerveja? Refrigerante? Sei lá, vou pensar mais sobre isso, afinal começa as 16:00h e o público alvo já é outro: vão avós, tias, mães com bebês e crianças, etc. Cada dia mais a minha vida muda e eu me choco ao perceber, mas sinto que é uma nova fase se abrindo: a fase de ser mãe.

Depois vou contando mais sobre os preparativos…

Deixo mais umas fotinhos do quarto e detalhes para apreciação.

Beijos

Chá de bebê

outubro 17, 2007

convitechadebebelj7.jpg

 

Domingão foi o chá de bebê da minha super amiga Lú, que está gravidinha de 33 semanas. A filhota dela vai nascer apenas três meses antes da Sofia e elas serão amigas… que ótimo isso!

Organizamos um chá-de-bebê meio as pressas…(a principal organizadora do evento teve uma viagem obrigatória de última hora), mas foi muito legal mesmo.

Ela deixou a lista na AloBebê, que realmente é o lugar mais fácil de deixar uma lista dessas devido ao maior número de lojas e a possibilidade de se encontrar a lista na Internet, no site deles. Ainda não é possível comprar online, infelizmente.

A loja tem tudo que é necessário, mas confesso que é muito difícil achar algo “especial” lá. Mas, o propósito do chá é ganhar presentes úteis e de pequeno valor e para isso a loja se presta muito bem.

Bom, a decoração foi da Hello Kity, e servimos salgadinhos, docinhos e bolo, tudo muito gostoso. Ficou com cara de chá…Marcamos às 16h e ficamos surpresas com a quantidade de pessoas que compareceram…Em pleno domingão do feriado. Como o chá de bebê é uma coisa mais “família” que os loucos chás de cozinha (já organizamos váaaarios), as mães, tias e familiares se sentem mais à vontade, vão e se divertem. Adorei…Tinha até um bebezinho de um mês…Lindo.

Deixo aqui as sugestões de brincadeiras que fizemos…

1)      Todas as convidadas foram orientadas anteriormente a trazerem uma foto de quando eram bebês para ela adivinhar…Se adivinhasse, ganhava o presente da pessoa.

2)      Quem não trouxe a foto, escrevia uma dica sobre como cuidar do bebê num bloco e a gente lia para ela…ela tinha que adivinhar de quem era a dica.

3)      Se ela errasse, tinha que pagar prendas como comer papinha de bebê com colher de bebê, tomar coca-cola na mamadeira, trocar fraldas de uma boneca e deixar pintarmos um bebê na barriga dela.

4)      A segunda chance de ganhar os presentes que não tinha acertado a foto ou a dica era acertando o sabor das papinhas ou o tipo de leite que ela tinha que experimentar com os olhos vendados (leite Ninho, Nan, etc).

Foi realmente uma delícia. Quem diria que nós (eu, a dona do chá e as outras meninas da turma da faculdade), que  freqüentávamos festas badaladérrimas, que íamos a lugares bacanérrimos, e que curtíamos todas as baladas boas de São Paulo; iríamos nos divertir com um chá de bebê tão inocente? Life changes…e o pior…numa velocidade incrível. Mas é isso aí…que venha mais essa nova e linda fase.


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.